sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

SBT, Record e o horário de 21h

Ano passado o SBT arriscou e colocou séries no horário nobre. Começou com Haper’s Island e depois com Sobrenatural. E a audiência do SBT no horário só subiu. E já tem um tempinho que o SBT vence a Record no horário. E eles não gostaram de ter seu super investimento, o curral a fazenda, em terceiro lugar.

A Record não está gostando disso, por isso decidiu ser inovadora: colocar uma série no horário de 21h. E decidiram estrear logo no dia 25 de janeiro, quando estréia a nova série do SBT que tem um público alvo diferente do de Sobrenatural. E para pegar o público de Sobrenatural escolheram a série CSI.

Depois de deixar toda a sua programação entorno de CSI, mudando o Hoje em Dia de programa de variedades para programa sobre CSI, acharam que iriam voltar para a vice-liderança na segunda. Mas não foi bem assim.

Na quinta, Daniela Beyruti anunciou em seu Twitter:

01

Isso deixou muitos SBTistas(fãs do SBT) ansiosos, horas depois ela divulgou a surpresa:

02

É, o SBT, que só teria os direitos de exibição da 5ª temporada em março, conseguiu a autorização para exibir o primeiro episódio na próxima segunda. O episódio foi gerado via satélite para o SBT e vai passar logo após Gossip Girl. Sem dizer um horário certo o público precisa assistir parte do programa anterior, tentando conquistar o público de Sobrenatural. Afinal, o episódio piloto diz muito sobre uma série.

Não resta dúvida que essa foi uma jogada de mestre da Daniela Beyruti e do SBT. Mesmo Sobrenatural não competindo com CSI, ou no máximo alguns minutos, a Record deve ser dar mal. Por isso só resta dizer: senta e chora. Ou melhor: senta, chora e decide qual vai ser sua próxima cópia, tomando cuidado pra não se dar mal outra vez.

Pra fechar, vejam o anúncio da pré-estréia:

Ocorreu um erro neste gadget
Por algum motivo que ainda não descobri, os comentários podem não aparecer para usuários do Internet Explorer. Estou trabalhando no problema, desculpe o transtorno.